A trajetória fascista do Estadão, Petrobrás, tópicos diversos, Simon’s Site:O novo milagre da educação brasileira

E a Petrobrás, a cruz que somos obrigados a carregar, está preocupada com o aumento do dólar. Ora, mas a notícia não seria ótima  ? Essa caixa preta de corrupção não está há anos dizendo que o Brasil é auto suficiente em petróleo e passou de importador para exportador ? Comemoramos soltando foguetes, e fazendo brindes à corja que a dirige. Nada disso. Ela continua importando. Exporta e importa, sendo que o impacto do dólar mais alto mostra claramente que IMPORTA mais do que exporta. O jornal diz : “Neste segundo semestre a companhia terá de ampliar o volume importado para atender à demanda interna de gasolina, enquanto aumenta o volume exportado por causa do aumento na produção e alcance do limite na capacidade das refinarias” Confuso, não ? Mas o fato é que aumentando o dólar corremos o risco do aumento no preço da gasolina. Ah, ninguém no cenário político para acabar com essa baderna e privatizar esse monstro que é o que existe de mais corrupto em todo o país, ao lado da seu fundo de pensão a famosa Petrus. 

-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.–.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.

E o deslumbramento com o governo Dilma continua. No Estadão,  Marco Aurélio Nogueira faz um hino de amor ao desenvolvimento brasileiro e à dona inteligentíssima que manda na gente. Escreve o professor:  “Foi esse um dos pontos de sustentação do belo discurso que a presidente Dilma Rousseff, blá, blá, blá” . E também entrou em moda achar que o Brasil transformou-se em uma potência, que a liderança americana acabou, que agora todo mundo tem que conversar com todo mundo e um monte de asneiras. Tudo consequência do terrorismo,  dos BRICS,  das crises e principalmente desse homúnculo, o presidente Obama. Se em 2012 subir um republicano acaba isso da noite para o dia. Aproveitem agora todo esse momento de glória, onde o Bananão se diz imune ás crises mundiais, acertou o rumo e escambau. Como é que pode ter acertado o rumo se é um governo do PT, com ladrões do PT, com um ministro de Relaçoes Exteriores que é igualzinho ao Amorim, apenas com o visual melhor, e em que o próprio Amorim é MINISTRO DA DEFESA!!! E quando se prepara a petização do oficialato brasileiro ? Todo mundo aderiu ? Sim, porque o Lula vai voltar, pois não ? E foi ele quem nos tirou da lama ? Assim, num toque de mágica ? E o futuro ladrão que assumiu o ministério do Turismo diz para quem quiser ouvir: “Sou maranhense, tenho orgulho, sou parlamentar, tenho orgulho, sou do PMDB, sou aliado do Sarney”. Confessa tudo isso e não vai preso ?

-.-.-.-.-.-.–.-.-..-.-.-.–.-.-.-.-.-.-..–.-.-.-.-.-.-.-.–.-.—-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.–.–.-.-

O editorial do Estadão continua sua trajetória fascista. Colocou-se, é claro, a favor do Estado Palestino na marra, que vai colocar mais fogo no Oriente Médio. E o editorialista entra com aquela linguagem  que procura desmoralizar Israel, quando se refere à Judéia e Samaria. Não faz a menor ideia do que está escrevendo, não sabe o que são esses pontos de referência, apenas copia o que leu no New York Times ou em outros jornais anti-americanos. Escute, seu trouxa, Israel não pode jamais dividir Jerusalém, se você teve o mínimo de formação vai descobrir que os judeus já estavam lá centenas de anos antes dos muçulmanos, e nenhum governo israelense é louco para colocar essa cidade -chave de suas vidas na pauta de negociações. Jerusalém JAMAIS será entregue, isso é exatamente um ponto em que os palestinos insistem para por fogo nas conversações. E, se por um acaso o vale do rio Jordão ficar desprotegido pela devolução das colinas de Golan para a Síria o primeiro ministro de Israel corre o risco de ser assassinado. Veja os governos árabes que sempre combateram e financiaram a luta contra Israel. Um monte de tiranos, um povo na miséria, e agora que seus governantes estão caindo um a um é que se pode falar em direitos naquela região. Israel é, ao lado dos USA, a maior democracia do mundo , cercada de bandidos por todos os lados.  Não se iludam, com toda a Primavera Árabe, esse nome ridículo, os que subirem vão querer jogar Israel no mar do mesmo jeito que os governos que foram depostos. Pelo nivel da canalha que está fugindo vocês podem imaginar o que Israel sofreu durante todos esses anos. E, longe do país se tranquilizar , agora que os tiranos estão indo embora, a situação pode piorar , com os terroristas tomando o poder.

-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.–.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.—.-.-.-.–.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.–.-.-.-.-  

E o competente e bem humorado Edmar Bacha acha que o Banco Central deveria usar as reservas monetárias: ouro, dolar, para evitar que o dólar suba mais e volte a inflação. Claro que a preocupação é o aumento do dolar e subsequente perigo de inflação. Mas o interessante é que os jornais, imaginando que todos somos economistas, ou mestres em inflação, não diz que funciona assim: O exportador recebe em dólares, e esses dólares vão diretamente para o Banco Central, que os converte em reais, entregando o dinheiro para o feliz exportador. Ora, se o dolar sobe, o exportador deverá receber mais reais. Nesse momento, entregando a ele mais reais, o BC está colocanda MAIS dinheiro em circulação, e portanto aumentando o risco de inflação. Com respeito às reservas todo mundo deve saber que quando o mercado está muito comprador e o preço do dolar começa a subir para niveis preocupantes o Banco Central por intermédio dos seus dealers (bancos e corretoras credenciadas) vende alguma coisa das suas reservas, forçando a baixa, o que os jornais chamam de “intervenção do BC”. É uma queda de braço. Muitas vezes o mercado não acredita que o Banco Central vai ter peito de continuar vendendo e esgotando suas reservas e continua comprando. Foi o caso anterior à posse do Lula quando o dólar chegou até 4 reais. Haja sangue-frio por parte da autoridade monetária. As reservas vão se extinguindo e o mercado paga para ver até onde o governo aguenta a parada. Naquele momento se Lula não faz a “Carta aos Brasileiros” e o FMI não tivesse emprestado 30 bilhões de dólares ao BC o país teria quebrado. Simples, não ? Marcante foi a inacreditavel declaração de Serra, ministro do governo: ” Se o FMI não tivesse entrado a vaca teria ido pro brejo”.  Poucas vezes vi uma frase tão infeliz, tão cafona, mais desmoralizante, no momento mais inapropriado. E esse idiota quer ser presidente da república de qualquer maneira. Será que não existe uma alma caridosa para contar a verdade e dizer que os votos que teve não foram para ele, porque ninguém o suporta,  mas contra a Dilma ? 

-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.—.-.-.-.-.-.-.-.-.—.-.–.-.–.-.——.–..-.-.—.-.-.-.-.-.–

E o país que está em completa decadência, à beira de ser subjugado pela China, tem que tomar muito cuidado com sua recuperação porque no processo pode quebrar os bancos europeus, e consequentemente acabar com essa tal de União Européia. Repito Kissinger: ” Quando a gente quer falar com a União Européia liga para quem ?” E a China continua confusa. Não tem uma sugestão, não sabe nada, não entende como se comporta o monetarismo global, até agora tem sido um sucesso graças aos seus produtos serem baratissimos, pratica o dumping, mão de obra escrava, nada de obrigações socias etc. Mas nas duas crise, 2008, e agora, não consegue se situar, como grande, fantastica,  potência econômica. Está sempre a reboque. Não sabe como atuar com todo o seu poder imenso de reservas e descomunal comprador de commodities. Notícia : “Países devem conter inflação, ALERTA China”. Só isso ? É, só isso. Aliás, existem mais meia duzia de palavras que não vou transcrever porque não significam nada.

-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.–.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-

Por várias vezes Bush disse palavras muito significativas na TV. Apenas citando duas ocasiões:  Quando afirmou que os americanos eram viciados em petróleo, e quando falou da necessidade de se aumentar o ensino de matemática nos Estados Unidos. Sobre o petróleo bateu forte. Imediatamente a atenção se voltou para outras fontes de energia. Esse discurso foi de imensa importância. Rapidamente os americanos ultrapassaram o Brasil na produção de etanol, o nosso grande orgulho, o único projeto brasileiro que deu certo. E, meninos, eu vi. Foi assim, da noite para o dia. Transformaram-se nos maiores produtores do mundo. Ah, disseram os nossos idiotas patrióticos, o etanol deles é de milho e mais caro do que o nosso. É mesmo ? Mas a grande preocupação não era o preço, mas a chantagem dos árabes e russos produtores de petróleo e a POLUIÇÃO. Deu para entender ? Na outra ocasião, a respeito da Matemática, também acertou em cheio. O ensino de Humanidades é muito menos importante do que o das ciências exatas, particularmente Matemática. Pode ter sido diferente em priscas eras, mas não agora. Por perderem o sentido lógico é que temos tantos liberais nos Estados Unidos. Pessoas inteligentes, mas por não haverem quebrado a cabeça em cima de álgebra, trigonometria, geometria, enveredaram pelo iluminismo que não cessa nunca, isto é, criaram o politicamente correto , o relativismo, e deixaram o bom senso de lado. Passaram a ser “sofisticados”, enquanto os engenheiros e os que se ativeram à matemática são pessoas muito mais humildes, não querendo impor suas ideias a ninguém como se fosse um caso de vida ou morte, e com a clara tendência a entender melhor o que ocorre a sua volta, se lhes derem uma chance. É claro que lendo os jornais de esquerda, vendo TV de esquerda, todos dirigidos pelos caras com formação em Humanidades , esse engenheiros vão ficar temporariamente convencidos de que as mentiras que ouvem podem ser verdades. Não se questionam sobre isso, seu interesse em política é pequeno. Quando começa a notícia de que o assassino que matou 100 pessoas é inocente, e na porta do presídio onde ele vai ser executado estão todos os humanistas do mundo, eles se inquietam , não gostam do que estão vendo, não interessa, e mudam de canal. Mas, acontece o seguinte: se eles são chamado a opinar sobre a questão vão imediatamente querer os fatos, o preto no branco,  e então todas as mentiras e toda a “sofisticação” que ouviram serão jogadas no lixo. O engenheiro por formação vai perceber o encadeamento lógico do que aconteceu e não pode concordar com os liberais. É visceral. Não admite que a raiz quadrada de 4 não seja 2, e portanto toda a argumentação de esquerda vai para o beleléu. Volto a falar no discurso de Bush. Se quisermos derrotar os liberais, uma das formas é o estudo da Matemática. Chega de Sociologia, Ciência Política, Psicologia, História, Antropologia. Tudo isso é muito facil, qualquer um consegue se formar, fazer mestrado e doutorado. Agora, vá tentar Física, Quimica e outras ciências exatas. Ah, é dificil.  Precisamos de MATEMÁTICA.  Quem não tiver desenvolvido um raciocínio matemático não pilota um F-16. E tenho dito.

-.-.-.-.-.-.-.-.-..-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-..-.-.-.-.-.-.-.-.-.–.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.—

Lembram-se do Noriega aquele traficante que era presidente do Panamá ? Pois é, ele ainda está vivo na França e vai voltar para sua adorada pátria (preso). O episódio da sua captura foi sensacional. Os Estados Unidos invadiram o país, e Noriega correu e se escondeu na embaixada do Vaticano. O que aconteceu ninguém acredita. Só mesmo os americanos, ninguém mais teria peito para uma medida tão sensacional. Colocaram um complexo de som em frente da embaixada, algo monstruoso, e entraram firme com heavy metal. Os padres não aguentaram muito tempo, jogaram a toalha e o Noriega pela janela. Ocioso dizer que foi durante o governo de Regan que deve ter morrido de rir com o episódio ( aliás, deve ter sido idéia dele, de tão bem humorada e pitoresca) 

O novo milagre da educação brasileira ( Professor Simon Schwartzman)

Posted: 23 Sep 2011 12:22 PM PDT

Diz “O Estado de São Paulo” de 22 de setembro de 2011:

“Dez dias a mais de aula por ano, seja pelo aumento do ano letivo, seja pelo efetivo cumprimento do calendário previsto – sem, portanto, o cancelamento de aulas por causa da falta de professores -, conseguem aumentar o aprendizado dos estudantes em 44%, disse ontem o secretário de ações estratégicas da Presidência da República, Ricardo Paes de Barros. Ele elaborou um levantamento com base na análise de 165 estudos nacionais e internacionais sobre o tema.”  A notícia acrescenta que o Ministro da Educação, baseado neste estudo, vai enviar ainda este ano um projeto de lei ao Congresso aumentando o número de horas de aula nas escolas brasileiras.

A notícia causou perplexidade entre os especialistas, porque nunca antes na história das pesquisas educacionais, que se saiba, uma coisa tão simples mostrou ter um resultado tão espetacular. Se isto for assim, para que continuar falando em melhorar a formação de professores, estruturar os currículos, formar diretores de escola, e inclusive aumentar os salários dos professores?

Este milagre anunciado da educação brasileira se soma a outros menores, como a melhora desempenho dos estudantes em matemática no IDEB em 2009, as melhoras do PISA e, agora, a melhora no ENEM em relação ao ano passado (sobretudo na prova de redação, suponho, que é a que tem maior peso na nota, embora seja a mais difícil de padronizar para permitir comparações).

Neste ritmo, chegamos fácil à meta de alcançar e superar os países da OECD até 2022!

Ricardo Paes e Barros é um pesquisador competente e respeitável, e está devendo à comunidade de especialistas em educação maiores detalhes sobre este achado tão espetacular.

24 setembro, 2011 às 20:38

Tags:

Categoria: Artigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *