Acordo de Divórcio (genial síntese do momento americano)

ACORDO DE DIVÓRCIO

Prezados Americanos Liberais, Esquerdistas, progressistas sociais, Marxistas, apoiadores do Obama et al:

Nós ficamos juntos até o final dos anos 50 por causa dos filhos, mas todo o processo das últimas eleições me fez abrir os olhos e descobrir que quero um divorcio. Eu sei que nós toleramos um ao outro por muitos anos por pura consideração à futura geração, mas, infelizmente, está claro que este relacionamento chegou ao fim.

Nossos dois lados ideológicos da América não podem e nunca irão concordar com o que é certo para todos nós, então vamos acabar em termos amigáveis. Podemos sorrir e colocar isto como diferenças irreconciliáveis e cada um seguir seu próprio caminho.

Eis um bom acordo de separação:

Nossos dois grupos podem dividir equitativamente o país com terra onde os dois teriam porções similares. Esta será a parte difícil, mas tenho certeza que nossos dois lados podem chegar a um acordo amigável. Depois disso será relativamente fácil! Nossos respectivos representantes podem facilmente dividir outros bens já que ambos têm gostos tão distintos e diferentes.

Nós não gostamos de impostos redistributivos, então vocês podem ficar com eles. Vocês podem ficar com os juízes liberais e o ACLU (American Civil Liberties Union) com o maior prazer. Já que vocês odeiam armas e guerras, ficaremos com elas, os policiais, o NRA (National Rifle Association) e as forças armadas. Pegaremos as horríveis, fedorentas indústrias petroleiras e vocês podem ficar com as energias do vento, solar e com o biodiesel. Vocês podem ficar com a Oprah, o Michael Moore e a Rosie O’Donnell. No entanto, vocês têm  a responsabilidade de achar um veículo de biodiesel grande o suficiente para carregar todos os três. (vejam as fotos dessas figurinhas abaixo do texto- nota do blog)

Manteremos o capitalismo, corporações gananciosas, companhias farmacêuticas, Wal-Mart e Wall Street. Vocês podem ter os seus queridos dependentes eternos de programas assistenciais, vale-refeição, os mendigos, os homeboys, os hippies, os viciados e os imigrantes ilegais. Ficaremos com as lindas mães do Alaska que levam seus filhos para os jogos de hóquei, diretores executivos gananciosos e os rednecks. Ficaremos com as Bíblias e daremos a vocês a NBC e Hollywood.

Vocês podem mostrar como são legais com o Iran e a Palestina e ficaremos com o direito de invadir e destruir lugares que nos ameaçam. Vocês podem ter os pacifistas e aqueles que protestam contra a guerra. Quando nossos aliados ou nosso estilo de vida estiverem sob ataque, nós providenciaremos segurança para eles.

Ficaremos com os nossos valores judaicos-cristãos. Vocês podem ficar com o Islã, a Cientologia, o Humanismo, o politicamente correto, e a Shirley McClain. Vocês também podem ficar com a ONU, mas nós não pagaremos mais as contas.

Ficaremos com os SUVs (utilitários esportivos), 4X4, Hummves, e carros de luxo de tamanho desproporcional. Vocês podem ficar com todas as caminhonetas da Subaru que vocês podem encontrar.

Vocês podem dar seguro de saúde para todos, se vocês conseguirem achar médicos que trabalhem. Nós continuaremos achando que o seguro de saúde é um luxo e não um direito. Manteremos o “Battle Hymn of the Republic”. Tenho certeza que vocês ficariam contentes em substitui-los por “Imagine”, “I’d Like to Teach the World to Sing”, “Kum Ba Ya” ou “We Are the World”.

Nós continuaremos nosso programa de diminuir a pobreza através da riqueza enquanto vocês continuarão a usar o seu melhor argumento que é empobrecer os ricos para que os que estão por baixo possam melhorar.

Já que ofende tanto a vocês, ficaremos com a nossa historia, nosso nome e a nossa bandeira.

Vocês concordariam com isso? Se assim for, repasse esta mensagem tanto para outros liberais, quanto para patriotas conservadores, que tenham as mesmas opiniões que eu descrevi, e se vocês não concordarem, apenas apertem a tecla “delete”. No espírito de uma separação amigável, eu aposto que vocês responderão quem precisará da ajuda de quem em 15 anos.

Atenciosamente,

John J. Wall
Estudante de Direito

TRADUÇÃO: Andréa Borges

 

Rosie O'Donnell

 

Oprah

Michael Moore

17 julho, 2010 às 19:32

Tags:

Categoria: Artigos

Comentários (1)

 

  1. Osmar disse:

    Excelente tradução !!!! Parabéns à Andréa.

  2. isaac gaspar disse:

    michael moore é demais…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *