Dilma vai viajar, Fernando Henrique é decepcionante, tópicos

“Após convenção Dilma planeja giro de 5 dias pela Europa” .       

Nossa, lá vai a dona nos envergonhar. Tem encontro com Sarkozy, e com o presidente português, e o ministro espanhol, e com qualquer chefe de estado importante que se decida a recebê-la. Sarkozy é obrigado a suporta-la porque está aflito para nos vender o avião-mico Rafale, uma das maiores roubalheiras da história do Brasil (não contando com o que os fundos de pensão, as Fundações, fazem todos os dias). As imagens da Dilma vão ser usadas na propaganda eleitoral, e o objetivo é mostrar que essa coisa tem condições de apertar a mão dos líderes europeus, que não vai ficar deslumbrada, dar chilique, pedir autógrafo, tropeçar e se esparramar de bunda no chão. Alguém avise para não usar limousine branca, feito o Sarney. 

Por falar em fundos de pensão, mudou o presidente da Previ, o melhor emprego do país depois da presidência da república. O mercado financeiro deve estar todo assanhado, procurando quem é amigo de quem. Entra a porcada nova, e a porcada velhasai de cabeça erguida, quaquilionária. ( foi o que me contaram mas eu não acredito nisso DE JEITO NENHUM, é calúnia)

* expressão que o senador Severo Gomes costumava usar

 -.-.-.-.–.-.–.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.–.-.-.-.-.-.-.-.—.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.–.-.-.-.-.-.-.-.-.-

Fernando Henrique, em artigo no Estadão, critica a política externa de Lula. Ótimo, mas seria excelente se FH explicasse o abraço apertado, suspiro dobrado, que deu em Fidel, na ONU. Igualzinho uma macaca de auditório. E vejam uma passagem do artigo: ” …fomos críticos das invasões unilaterais no Iraque e só aceitamos a intervenção no Afeganistão graças à supervisão das ações bélicas pela ONU”  Como é que é ? Quer dizer, os Estados Unidos não tinham o direito de invadir o Afeganistão, mesmo atacados pela Al Qaeda que se confundia com o governo afegão ? FH sabe que os EUA pediram ao mulá Omar, o chefe taleban, que entregasse Osama Bin Laden a troco da não-invasão ? FH sabe que foram mortos 3 mil civis americanos ? O que poderiam fazer os Estados Unidos, hein, FH ? Cruzar os braços se a ONU ( toda anti-americana) dissesse NÃO ? E que negócio é esse de invasões do Iraque ? Houve mais de uma ? E como é possivel evitar o unilateralismo se somente está sendo atacada uma potência, sendo que essa potência é a mais poderosa do globo,  sendo que as outras têm interesses conflitantes com ela ? Como podem reagir os Estados Unidos sem praticar unilateralismo? Para se defenderem precisam do “de acordo” de seus inimigos? Se amanhã estourar uma bomba atômica em Nova Yorque os Estados Unidos precisam pedir licença à ONU para entrarem em guerra com os responsaveis ?  Incrivelmente eles fizeram isso no episódio do Afeganistão, mas se a ONU não houvesse concordado iriam para o combate assim mesmo. Estariam errados ? E outra passagem, essa inacreditavel : ” A reação ao unilateralismo foi tanta que em discurso na Assembleia Nacional da França cheguei a aludir à similitude entre o unilateralismo e o terrorismo, provocando certo mal estar em Washington”. Mas, isso é digno do Lula!!!  Similitude entre unilateralismo e terrorismo ?!  Colocou os Estados Unidos no mesmo nivel dos terroristas!  E FH conta como se fosse vantagem ter provocado “certo mal estar em Washington”. Está competindo com Lula no desagradar aos Estados Unidos: “Isso que você fez eu também fiz, seu bobo! ”   Começo a duvidar se o nosso ex-presidente está no perfeito uso das suas dificuldades mentais. Quer dizer que é isso que nos espera, na remota chance do Serra ganhar ?

-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-..-..-.-.-.-.-.-.–.-.-.-.-

O ministro do Interior da França foi multado em 750 euros (cerca de R$ 1.666) e condenado a pagar outros 2 mil euros (aproximadamente R$ 4.443) por comentários que fez sobre um jovem ativista de origem argelina.

“O incidente, que foi gravado em um vídeo que circula pela internet, ocorreu em setembro do ano passado, quando o ministro Brice Hortefeux estava tendo uma conversa descontraída com ativistas do partido governista UMP.Pouco antes dos comentários de Hortefeux, pode-se ouvir um ativista dizendo “Amin (o jovem de origem argelina) é católico. Ele come carne de porco e bebe álcool”.

Escuta-se então Hortefeux dizendo que “ele não se enquadra no estereótipo”.

Uma mulher responde: “Ele é um de nós… ele é o nosso pequeno árabe”.

O ministro do Interior francês diz então que “nós sempre precisamos de um. É quando se juntam muitos deles que acontecem os problemas”.

E foi só isso o que aconteceu, e o ministro se ferrou. A nossa auto-censura tem que ser constante, implacavel. Não podemos abrir a boca para falar dos chatos, dos delinquentes, das minorias, sem fazer uma pausa para pensar. Isso mesmo, e depois de um agil, experiente, disfarçado intervalo de 3 segundos, você resolve é mudar de assunto. Estamos completamente cercados, escravizados, martirizados pelo “políticamente correto”. Nunca os idiotas estiveram tão por cima.

-.-.-.–.-.–.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.–.-.-.-.-.-.-.-..–.-.-.—.-.-.–.-.-.-.-.-.

Os brasileiros pagam por volta de 40% de impostos. É das mais altas tributações do mundo, equivalente à países como Suécia, Dinamarca e poucos outros. Claro que os impostos pagos não se resumem ao imposto de renda. Eles estão embutidos em bens e serviços. No entanto, não temos obras públicas. Já nos conformamos com as estradas esburacadas, mesmo as importantes, feito Brasília -Rio, ou a litorânea, BR-101. Achamos que é assim mesmo, e que não adianta reclamar. Uma simples passarela para cruzar uma avenida leva um ano em construção. A tal da Linha Verde, a badalada obra do século do Aécio Neves, é uma bobagem, mal feita, feíssima, a gente nem percebe direito que se trata de uma coisa nova. Chegamos em outros países, mesmo naqueles que não são ricos, e vemos tudo arrumado, estradas impecaveis. O que acontece no Brasil ? É ingenuidade pensar que se trata de má-administração. O dinheiro dos impostos é roubado, e ponto final.

-.–.-.–.-.-.-.-.-.-.-.-.-.–.-.–.-.-.-.-.-.-.-.-.-.-.–.-.-.-.-.–.-.-.-.-.-.-.-.—–.-.-.-.-.-.— 

Vejam que interessante a pesquisa do Globo: Você acha que o bloqueio israelense a Gaza é justificavel ?

a) SIM, é uma maneira de enfraquecer o Hamas e evitar o lançamento de foguetes contra cidades israelenses: 44,65%

b) NÃO, pois o bloqueio acaba punindo a população civil : 55,35% 

Eu não imaginava que a margem contra Israel fosse pequena, 10%. Afinal o povo não está sendo tão bobo como se pensava. E vejam como era antes do episódio dos pacifistas selvagens:

Na pequisa anterior a grande maioria era pró-Israel : 47,97% SIM, e 27,64% NÃO. Depois da cobertura rolo compressor da mídia sobre a abordagem ao navio dos “pacifistas”  +  24,39%. ficaram contra Israel  É isso. 



6 junho, 2010 às 20:24

Tags:

Categoria: Artigos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

* Copy This Password *

* Type Or Paste Password Here *